Bem, Feliz Ano Novo queridos e queridas!

 

Este ano prometi a mim e  a vocês que eu voltaria ao blog com muito mais frequência do que no ano passado, e  postei nas redes sociais uma foto desta torta que fiz no último domingo e perguntei se gostariam que eu fizesse post. Muita gente pediu, então vim correndo preparar pra não deixar janeiro passar <3

DSC03051

Esta torta mousse é uma delícia e tem um corte perfeito.

Mas nesta versão ela é uma excelente sobremesa e ainda dá pra guardar pra comer no dia seguinte ou dar uma fatia pros seus convidados levarem hahaha!

Tenho dois hortifrutis do meu lado e é bem fácil comprar maracujá, wafer, leite condensado, creme de leite fresco, enfim, todos os ingredientes que precisava.

Mas eu sei da dificuldade que é encontrar creme de leite fresco em muitas cidades e regiões brasileiras, então resolvi nas “Dicas da Lena” dar uma receitinha de mousse pra fazer com creme de leite em lata. Fica ótimo também!

DSC03045

Sobre a bolacha wafer pra fazer a base da torta, não substitua. Se você nunca usou este tipo, vai se surpreender com o resultado.

Trabalhosa? Sim, um pouco. Tem algumas camadas, mas eu sempre digo que nada na vida se compara ao carinho que colocamos em um doce pra dar aos nossos queridos.

Isso é puro amor e não tem como ser melhor!

 

Vivam 2016 com mais momentos desses. Vocês jamais se arrependerão : )))

 

Para cerca de 8 a 10 boas fatias:

 

Ingredientes:

da base:

– 2 pacotes de bolacha wafer de baunilha
– 2 colheres-medidas de manteiga (colher-medida padrão, niveladas com a faca)

da mousse:

– 1 xícara de suco de maracujá fresco, puro, coado.
– 500 ml de creme de leite fresco
– 1-1/2 lata de leite condensado
– 1 envelope e meio de gelatina em pó sem sabor diluída em 5 colheres (sopa) de água fria

do mingau de coco:

– 2 caixinhas de pó para pudim de coco
– 3 xícaras de leite
– 1 vidro de leite de coco
– 1 colher (chá de baunilha)

da camada de sementes de maracujá:

– polpa com sementes de 1 maracujá
– 2-1/2 xícaras de água
– 2/3 de xícara de açúcar
– 1/2 de xícara de maisena

Preparo:
da base da torta:

Processe as bolachas até ficarem bem moídas. Acrescente a manteiga e processe mais alguns segundos.
Pressione bem no fundo de uma forma redonda de aro removível de cerca de 26 cm de diâmetro.
Leve ao forno pré-aquecido a 170 graus, por 15 minutos. Deixe esfriar (eu coloco no freezer enquanto preparo a mousse).

da mousse:

Numa tigela, misture com um fouet ou uma espátula, o leite condensado e o suco de maracujá. Reserve.
Bata o creme de leite em ponto de chantilly firme.
Acrescente a mistura de leite condensado/maracujá ao chantilly e bata na velocidade mínima da batedeira só até misturar. Raspe as bordas da tigela da batedeira com uma espátula de silicone.
Numa tigelinha, coloque a água mineral fria, polvilhe a gelatina e misture bem com um garfo. Leve ao microondas por 20 segundos na potência máxima. Retire, mexa com o garfo e volte ao micro por mais 5 segundos. Não mais que isso pois se gelatina ferver perde o poder de gelificação.
Ligue a batedeira na velocidade média e acrescente rapidamente a gelatina derretida. Bata até incorporar bem. Raspe as bordas da tigela com uma espátula.
Despeje a mousse na forma preparada com a base e leve ao freezer por uns 30 minutos ou até firmar.
Enquanto isso prepare o pudim de coco e a cobertura.

do pudim de coco

Misture todos os ingredientes numa panela e leve ao fogo mexendo com um fouet até engrossar bem. Transfira para uma tigela e coloque plástico filme para não criar película. Leve ao freezer até esfriar (não deixe gelar). Retire o plástico e mexa bem para ficar cremoso. Coloque sobre a mousse.

da cobertura de maracujá com sementes:

Numa panelinha coloque a polpa de maracujá com sementes, 2 xícaras de água, o açúcar e leve ao fogo. Deixe ferver em fogo baixo até que você perceba que a polpa se soltou da volta das sementes (cerca de 5/6 minutos).
Numa jarrinha medidora dissolva bem a maisena com meia xícara de água e acrescente aos poucos na calda de maracujá da panela (chama mínima do fogão e mexa constantemente com uma espátula para não empelotar).

Ferva em fogo mínimo até engrossar. Cerca de 4/5 minutos.
Transfira para um recipiente de vidro e deixe esfriar para poder colocar por cima do pudim de coco ( eu coloco no freezer e mexo algumas vezes para esfriar rapidamente.)
Deixe a torta por no mínimo 4 horas na geladeira para firmar bem.

– Para desenformar a torta:

Molhe com água quente, um pano de copa limpo e torça.
Enrole o pano em toda a volta da forma para aquecer levemente o aro e a mousse começar a desgrudar das bordas.
Após uns 3 minutos passe uma faca sem serra (a serra marca a mousse..) em toda a volta entre a torta e a borda da forma.
Abra o aro da forma e leve a torta com o fundo da forma por cerca de 40 minutos ao freezer, para que a base da torta esteja mais durinha.

Após esse tempo, retire do freezer posicione o prato de servir ao lado da torta.
Enfie duas espátulas grandes (uma de cada lado) por baixo da base de massa da torta. Com cuidado, levante a torta com as espátulas e transfira para o prato de servir.
Pode ficar na geladeira até 12 horas antes de servir, para que a base continue crocante.
Sirva gelada!

=================

Dicas da Lena:

– Neste post já fui escrevendo algumas dicas ao longo da receita, então abaixo vai a mousse de maracujá com creme de leite de lata:

– Bata 03 claras em neve com uma pitada de sal e reserve em outra tigela. Na mesma tigela da batedeira (não precisa lavar), coloque uma lata de meia de leite condensado, 02 latas de creme de leite sem soro. Bata por 30 segundos. Raspe as bordas e acrescente o suco de maracujá e a gelatina (dissolvida como na receita do post) e bata por mais uns segundos. Acrescente as clara em neve e misture à mão, com uma espátula. Pronto! Agora é só continuar a receita!

–  Se usar uma forma menor lembre-se que a quantidade da mousse deverá deixar espaço na altura da torta para caber o pudim de coco e a cobertura. O ideal é usar no tamanho indicado.

– Pode substituir o pudim de coco pelo de baunilha e não use o leite de coco. Use 4 xícaras de leite.

– Gostar de um doce mais ou menos azedinho é muito pessoal. Particularmente eu gosto mais ácida do que estava esta, mas nem todos preferem. Experimente a mousse e veja se prefere mais ou menos azedinha ajustando a quantidade de suco. O mesmo para a cobertura que você pode colocar mais ou menos água.

Print Friendly, PDF & Email