Oi minhas queridas e meus queridos!

Bem vindos ao meu Blog todinho reestruturado e de visual novo!

Com estas Balas de caramelo, eu o introduzo repaginado, redefinido,  e totalmente responsivo.

Balas de caramelo em uma

 

Em agosto passado ele fez 7 anos!

Há algum tempo eu vinha pensando que talvez fosse o momento de dar uma atualizada, o que acabou sendo uma reformulação total.

É incrível como o tempo passa e estou aqui nesses anos todos, fazendo experimentos diários na minha cozinha pra trazer sempre as receitas certinhas e bem explicadas, pra que todos façam com sucesso, o que muito me orgulha.

Tudo começou lá atrás quando as pessoas me sugeriam ter um blog onde eu pudesse compartilhar meus conhecimentos culinários e eu decidi montar este espaço que amo, na versão “Doces”. A confeitaria é um universo único e lindo. Nada pode se comparar a ela e sou grata por aprender todos os dias e poder repassar algumas coisas do que sei.

Meu agradecimento à amiga Faby Zanelati que em 2010 me incentivou e desenvolveu este site que uso como blog. Obrigada queridos Faby e Marcus – vocês foram o começo de tudo!

Faby tem um Blog delicioso e lindo com receitas práticas; a maioria delas, salgadas – o Pimenta no Reino .

Que continuemos tendo dias felizes preparando nossos doces aqui, trazendo alegria e unindo pessoas queridas em volta da mesa na sobremesa, no chá da tarde, no café da manhã, ou naquele momento em que só queremos uns minutos de sossego entre a correria do dia e sentar com um café pra comer um docinho e ter paz de espírito com afago na alma e na barriguinha.

Agora todos podem acessar a versão mobile do celular e também de Ipads e Tablets nos tamanhos adequados para cada dispositivo! As buscas serão mais fáceis através do celular por causa do novo formato.

Mas não se preocupem que todas as receitas continuam iguaizinhas e nisso nada foi mudado! Apenas está tudo modernizado e atualizado, facilitando os acessos, buscas e pesquisas. 

Aproveitando o ensejo, entrarei em um assunto que quero há muito tempo conversar com vocês: os  “Comentários”.

É sabido que hoje em dia, com o advento das redes sociais, as pessoas já perguntam o que precisam, e elogiam e comentam pelas próprias redes, ali mesmo, porque é direto, rápido e mais fácil a elas. Entendo perfeitamente.

Amo que façam minhas receitas, que dê certo; venham e me contem <3 

Mas por isso mesmo (e é em regra geral, algo que acontece em todos os blogs ultimamente) hoje em dia as pessoas comentam bem menos aqui no blog. Mas ler os comentários no final de cada post é um alento e uma grande motivação pra mim.

Quando puderem e quiserem dar uma palavrinha ali embaixo, ao final de uma visita ao post, eu tiro as almofadas do sofá e passo um cafezinho pra gente : D

Bem, agora vamos ao post de hoje: As balas de caramelo salgado.

 

 

Eu já tenho no post de Riz-au-lait a calda de caramelo, e também tenho um Cheesecake delicioso aqui no blog.

Mas faltavam as balinhas – essas embrulhadinhas, puxa-puxas, com sabor de leite, de infância, ou de viagem à França, ou simplesmente de algo que não se consegue comer só duas ou três. 

Pra começar, sim: é possível fazê-las sem termômetro. No entanto, quando o quesito é “ponto de caldas” na confeitaria, requer uma medição precisa. Um grau a mais ou a menos pode ser o sucesso ou a ruína de alguns doces que dependem dessa temperatura ideal.

Aquilo de “coloque um pouco da calda num copo de água gelada e forme uma bala mole” que muita gente faz, só é possível depois de praticar e ter certeza da sua sensibilidade nos dedos. Senão o mais garantido é usar termômetro mesmo.

Dito isso, posso garantir que a receita é fácil e surpreendente e agora não precisaremos mais gastar uma fortuna com os caramelos pois temos a capacidade de fazer quando se quer. Não é incrível isso na confeitaria? Não depender de encomendar nada, de procurar onde tem, de ficar com vontade de comer um doce e “só vender naquele lugar ruim de estacionar”, ou às vezes nem ter na cidade onde se mora? 

 

 

Sem falar que colocamos os melhores ingredientes, e sabemos como é feito. Isso é liberdade!

Estou com vontade de em breve variar os sabores mas vamos começar com essa básica pra irmos adquirindo prática?

O rendimento vai depender do tamanho do corte dos caramelos.

Bem vindos ao “novo” Blog Helena Gasparetto! Obrigada pela visita e venham sempre!!

 

 

Ingredientes:

 

– 1 xícara de creme de leite fresco
– 1/3 de xícara de manteiga com sal
– ¼ colher (chá) de sal – opcional (eu não coloquei)
– ¼ de xícara de água
– 1/3 de xícara de glucose de milho
– 1-1/2 xícara de açúcar
– 1 colher (chá) de baunilha líquida

 

Preparo:

 

Comece preparando uma forma pequena (usei uma quadrada medindo 23 x 23 cm – foto)mas pode ser menor.
– Unte com manteiga no fundo e lateral e ajuste papel manteiga recortado previamente, de maneira que as laterais excedam as bordas. Pincele todo o papel manteiga, com manteiga derretida e prenda cada lateral com um pregador.

– Numa panela pequena aqueça o creme, a manteiga e o sal apenas até a manteiga derreter.  Desligue o fogo e reserve.
– Em panela de fundo grosso e grande (preferencialmente de inox com fundo triplo, mas pode ser de alumínio) coloque a água, o açúcar e a glucose. Mexa delicadamente com uma espátula (antes de levar ao fogo) para não formar cristais de açúcar ao ferver. Se isto acontecer, vá pincelando as bordas da panela com um pincel molhado em água.

 

Numa panela coloque a água, o açúcar e a glucose

 

– Posicione um termômetro para caldas na lateral da panela.
Inicialmente deverá estar sobre fogo médio/alto, e quando começar a ferver abaixe o fogo. Mantenha fervendo até que o termômetro atinja 150 graus Centígrados.
Apague o fogo e CUIDADOSAMENTE despeje aos poucos a mistura do creme de leite, mexendo com um fouet de cabo longo.
CUIDADO, nesse momento levantará fervura na panela.
Assim que estiver tudo bem misturado, acenda o fogo novamente e deixe ferver (sem mexer) até a temperatura de 115 graus Centígrados.
– Em seguida despeje na forma preparada e aguarde no mínimo 3 horas para cortar.

 

PARA CORTAR OS CARAMELOS:

 

– Desenforme os caramelos sobre uma tábua de corte, retirando o papel manteiga.
Vire-os novamente para que o lado onde estava o papel fique para baixo.
– Utilize uma faca de chef, comprida (não deve ter serra)
Corte em quadrados ou retângulos do tamanho que desejar.
– Depois de cortados eu os coloquei numa assadeira forrada com uma folha de silicone para não grudarem – até que eu os embrulhasse em seguida.
– Se não tiver folha de silicone, coloque-os sobre uma assadeira untada com manteiga.
Embrulhe em seguida em papel manteiga ou celofane de torção (celofane de verdade – aquele que permanece quando torce).
Mantenha os caramelos num vidro hermeticamente fechado por até uma semana. (Se durarem até lá… hehehe )

 


 

Dicas da Lena:

 

– Hoje em dia não gosto mais de muuuito sal em caramelo salgado. Nem os de corte nem de calda. Ajuste a quantidade de sal conforme seu paladar.

–  É imprescindível ter um termômetro de calda, uma vez que se passar do ponto ficará extremamente duro e antes do ponto, mole demais e não conseguirá cortar.

Mas caso queira muito fazer e queira tentar (sem precisão), o ponto da calda de açúcar será de quebrar ( coloque um pouco da calda numa tigelinha de água gelada e verá a calda “quebrando” – e o ponto do caramelo é o de “Bala mole” – coloque um pouquinho do caramelo em uma tigelinha com água gelada e com as pontas dos dedos forme uma bala mole – porém consistente ao pegar )

Como você vê, é complicado explicar ponto de calda sem termômetro e muito comprometedor em relação ao resultado. A confeitaria exige medidas e temperaturas precisas para a maioria dos doces. Garanto que irá investir para poder fazer bons marshmallows de cobertura e de corte, balas de coco, calda de caramelo, e todos os outros doces que requerem pontos de calda!

– Siga a receita exatamente como escrevi. Qualquer etapa “pulada” vai dar num resultado diferente do esperado.

  •  É um presente maravilhoso também! Em qualquer ocasião, coloque as balas embrulhadas numa compoteira, vidro ou caixa e veja o resultado ; )

 

 

 

 

Print Friendly, PDF & Email