Voltei de viagem desejando um pudim de chocolate. Daqueles. Mesmo tendo me esbaldado em restaurantes, e numa semana incrível numa cidade que amo tanto, eu queria um d.o.c.e.

Com leite condensado, cremoso, sem furinhos : )

Lembrei que as crianças estão de férias, e que muita gente pode querer essa receita que é simples.

(Sim, eu dei uma embelezadinha; mas você não precisa fazer a ganache nem os canudos…)

Vale a pena guardar a receita. E num dia mais especial ou que você tenha mais tempo, fazer esse pudim bem enfeitadinho. Eu garanto que vale cada minuto!

Nas “Dicas da Lena”, explico como fazer os canudos de chocolate.

 

Para o pudim:

– 2 latas de leite condensado
– 2 medidas (da lata), de leite integral
– 6 ovos
– 2/3 de xícara de cacau em pó (se usar chocolate em pó, o pudim ficará mais claro)
– 1 colher (chá) de baunilha

Para a calda:

– 1 xícara de açúcar
– ½ xícara de água

Para a ganache:

– 350 grs de chocolate meio-amargo (entre 50 e 70% de cacau), em pedacinhos
– 1 lata de creme de leite com o soro

Preparo:

Do pudim, e da calda para forrar a forma:

– Pré-aqueça o forno em 170°

Leve para ferver numa chaleira ou panela, água suficiente para encher 2 cm de altura de uma assadeira retangular, na qual você assará o pudim em banho-maria.
Numa panela, coloque o açúcar e a água para a calda. Mexa com uma espátula apenas até o açúcar dissolver.
Ferva em fogo brando e não mexa, até que a calda fique com cor de caramelo clarinho (não deixe queimar)
Unte com essa calda, o fundo e parte das laterais de uma forma de buraco no centro. Reserve.
No liquidificador, coloque o leite condensado, o leite integral, os ovos, a baunilha. Bata por alguns segundos. Acrescente o chocolate em pó e bata só até misturar.
Com uma concha, retire a espuma que ficou na superfície. Passe por uma peneira numa tigela, e em seguida despeje a mistura na forma preparada.
Coloque a forma numa assadeira retangular, encha com água fervente cerca de 2 cm de altura. Abra a porta do forno, proteja as mãos com luvas antitérmicas e com cuidado leve ao forno para assar por cerca de 1 hora, ou até enfiar uma faca no pudim e ela sair limpa.
Retire do forno. Deixe o pudim esfriando em temperatura ambiente por 1 hora e então leve à geladeira.
Desenforme depois de frio e sirva com a ganache.

Da ganache de chocolate:

– Numa tigela de vidro, leve o chocolate picado ao microondas, potência MÉDIA por 4 minutos. Retire, mexa com uma espátula, e se o chocolate não dissolver por completo, leve novamente ao micro por mais 30 segundos (potência média). Retire, e mexa até dissolver por completo. Ao chocolate ainda quente, acrescente o creme de leite com soro e mexa vigorosamente com um fouet. Espere esfriar completamente (não utilizar gelado) para decorar o pudim, com um bico de confeitar.

===========

Dicas da Lena:

– Canudos de chocolate:

Derreta 50 grs de chocolate meio amargo no microondas, por 2 minutos na potência Média. Retire e mexa até dissolver. Despeje o chocolate nas costas de uma assadeira de alumínio. Faça movimentos com uma espátula de metal para resfriar. Espalhe o chocolate numa fina camada de 1 milímetro.

Leve ao freezer por poucos segundos, até ficar seco ao toque, mas não completamente gelado (senão ele não “enrola”).

Empurre firmemente a espátula de metal no chocolate, até formar o primeiro canudo. Em seguida, continue fazendo o segundo canudo, um pouco mais fino. E por fim, o terceiro.

Coloque num prato e leva à geladeira até a hora de decorar.

– Na hora de desenformar, caso o pudim esteja gelado, coloque a forma sobre a chama bem mínima do fogão, e vá girando, apenas por poucos segundos, apenas para “descolar” a calda do fundo. ATENÇÃO: esse processo todo leva no máximo 5 segundos. Se a forma esquentar, o pudim amolece e quebra quando desenformado.

– Passe uma faca em torno do pudim e desenforme-o. No fundo da forma ainda fica um caramelo. Para aproveitá-lo: coloque 2 colheres de sopa de água dentro da forma, e vá girando-a sobre a chama mínima do fogão. Quando começar a derreter, vá mexendo com uma colher, até que o açucar do fundo dissolva por completo e forme uma calda encorpada novamente.

– Na minha calda, eu acrescentei raspas e suco de laranja no lugar da água.

– A ganache não pode estar gelada para usar o bico de confeitar porque endurece. A não ser que você more em cidade quente, aí sim pode deixá-la na geladeira apenas para resfriar um pouco e ficar no ponto de confeitar.

Print Friendly, PDF & Email