Categorias

Receitas

Comfort food, Pudins

Pudim de tangerina

Pudim de tangerina

Esta receita é das simples.

Eu tinha umas tangerinas uruguaias na geladeira e resolvi fazer um pudim. Só que no lugar do leite, coloquei suco das tangerinas.

Gosto muito destas, pois são mais ácidas e de sabor mais intenso. As raspinhas são fundamentais. O suco não é concentrado, portanto, dissolvido ainda com os outros ingredientes, precisará das raspas para intensificar o sabor.

Eu adorei o resultado, embora a textura quando utilizamos suco de frutas, não seja com tanta cremosidade e firmeza como quando utilizamos leite.

Fiz apenas uma receita porque queria uma sobremesa menor.

 

A forma que usei tinha cerca de 20 cm de diâmetro. Ainda que você faça o dobro, pode usar o mesmo tamanho, assim o pudim ficará mais alto.

O fundo da forma caramelizado, aguardando o pudim..

Sabe aquelas receitas que você faz de manhã pra servir à noite? Pois é… (no meu caso, fiz à noite; deixei na geladeira e desenformei antes do almoço do dia seguinte).

Dálias…

Cerca de 6 porções

 

Ingredientes:

 

do pudim:

 

– 1 lata de leite condensado
– a mesma medida de suco de tangerina coado
– raspas de 3 tangerinas pequenas
– 3 ovos

da calda:

½ xícara de açúcar

 

Preparo:

da calda:

 

Coloque o açúcar na forma. Posicione a forma na chama baixa do fogão (vá girando a forma aos poucos, espalhando com uma espátula ou colher de cabo comprido – utilize uma luva protetora para não queimar a mão que segura a forma).
Quando o açúcar estiver totalmente derretido, apague o fogo e faça movimentos circulares na forma para espalhar a calda no fundo e o início das bordas. Reserve, enquanto bate o pudim.

 

do pudim:

 

Pré-aqueça o fono a 170 °C.
Ferva água o suficiente para completar 1 cm de altura de uma assadeira retangular um pouco maior do que a forma na qual o pudim será assado, para fazê-lo em banho-maria.
No liquidificador coloque todos os ingredientes e bata somente até misturar.
Retire com uma concha a espuma excessiva que ficará na superfície.
Despeje a mistura na forma preparada com o caramelo.
Coloque essa forma dentro de uma assadeira um pouco maior.
Despeje a água fervente e com cuidado (mãos protegidas por luvas térmicas), leve ao forno por cerca de 45 minutos ou até enfiar uma faquinha e sair limpa.
Deixe o pudim resfriar em temperatura ambiente e leve à geladeira até ficar bem gelado.
Para desenformá-lo, vide abaixo em “Dicas da Lena”.

===========

Dicas da Lena:

Sendo esta uma receita pequena, pode dobrar as medidas para um pudim maior. E no mesmo tamanho de forma; apenas ficará mais alto. Nesse caso, o tempo de forno será maior, mas não o dobro. Mais ou menos 1 hora e 10, uma hora e 15, mas depende muito da temperatura e  de cada forno.Enfiando a faca e saindo limpa, está pronto.

– Para desenformar, retire a forma com o pudim, da geladeira, coloque numa chama baixa do fogão, gire-a rapidamente (esse processo é para “descolar” o caramelo do fundo da forma, que gelado, às vezes não desenforma).

Passe a faca nas bordas da forma e desenforme num prato.

– Coloque um pouquinho de água dentro da forma, e leve-a diretamente à chama do fogão, e vá mexendo com uma colher enquanto você a gira por sobre a chama. Este processo é para que o açúcar queimado que está no fundo da forma, torne-se um caramelo. Espere ferver um pouquinho para encorpar. Quando amornar, pode utilizá-la.

– Este pudim é menos cremoso do que o de leite condensado. Mas é muito saboroso e eu recomendo. Há uma leveza cítrica nele…

– No entanto ele fica mais macio. Deixe-o na geladeira em tempo integral.

 

Print Friendly, PDF & Email

Posts Relacionados

29 Comentários

  1. Ana Cristina

    Bom fim de semana Lena!

    Passei por aqui e encontrei este pudim lindão.
    Seus posts são deliciosos!
    Beijos

    1. Lena

      Ana Cristina,

      Muito obrigada querida!
      Tenha um ótimo fim de semana 🙂
      Beijo

  2. Maria Paula

    A cada visita a este espaço eu abro um sorriso (e abre-se um espaço maior no meu estômago de formiga.. rsrs)
    Admiro seu trabalho! Obrigada.
    Beijos

    1. Lena

      Maria Paula,

      Obrigada eu!
      Só tem um jeito então: fazer 😉
      Beijo

      1. Sonia Francine Gaspar Marmo

        Eu fiz e ficou ótimo! Achei as instruções incríveis, até o “retire a espuma que vai formar”… 🙂

  3. Flávia Meira

    Hummmmm!
    Nunca fiz oudim de tangerina, só pudim de leite.
    Mas adoro a fruta, vou experimentar. Tá maravilhoso!
    Beijinhos

    1. Lena

      Flávia,

      Eu achei leve e muito bom!
      Beijos

  4. SARAH

    Cremoso, dourado e lindo!

    Parabéns
    Beijos!

    1. Lena

      Sarah,

      Obrigada! : )

  5. Thaís Mendonça

    Olá Helena,

    Você sempre delicada procurando nos passar receitas e mesas arrumadas com esmero!
    Comprei as tangerinas uruguaias hoje à tarde, depois de ler o post e vim aqui contar que será a sobremesa do almoço de domingo.
    Um beijo e abraço
    Thaís

    1. Lena

      Thaís,

      Opa! Adoro quem quer fazer logo!
      Bom fim de semana.
      Beijo

  6. Cláudia Coimbra

    Achei o se blog por acaso enquanto procurava uma receita de pudim.
    De extremo bom gosto e receitas ótimas!
    Pretendo acessá-lo com frequência.
    Parabéns!

    1. Lena

      Cláudia,

      Obrigada!
      Seja sempre bem-vinda!
      Nosso espaço pra papearmos e trocarmos receitas!
      Beijo

  7. Karla Maria

    Lena,
    amo pudim de laranja, minha avó fazia sempre, mas nunca experimentei com tangerina.
    Deve ficar igualmente delicioso.
    Beijo querida, obrigada por mais essa dica preciosa.

    1. Lena

      Karlinha!!

      Eu gostei bastante do resultado! Eu adoro tangerina.
      Beijão, querida!

  8. Daniela Guimarães

    Querida Lena,

    Suas receitas, como sempre, são lindas de ver, e deliciosas também…
    Uma pergunta: o suco natural das tangerinas não fica amargo?

    1. Lena

      Oi Daniela,

      De jeito nenhum! O suco é docinho. Com uma leve acidez conforme o tipo da fruta.

      Beijos

  9. Adriana

    Lena, essa sua receita “das simples” consegue ser muito inusitada e elegante! Fiquei imaginando o sabor do pudim com o suco de tangerina e morrendo de vontade de fazer 🙂 O pudim de leite é minha sobremesa preferida, mas posso trocá-lo por esse de tangerina de vez em quando, sem problema nenhum! Rs. Adorei a receita! Beijos.

    1. Lena

      Adriana querida,

      Confesso que o meu preferido também é o pudim de leite.
      Mas este ficou uma delícia, e nada como variar né?
      Beijão

  10. Adriana

    Oi, Lena!
    Essa foi a terceira receita sua que fiz e ficou muito boa, o sabor é surpreendente, diferente. Fica bem docinho e ao mesmo tempo tem o tom cítrico das tangerinas ao fundo. Eu só tive duas dificuldades: caramelizar a fôrma (demorou muito e eu não coloquei açucar o suficiente para cobrir toda a fôrma, o que me fez resolver não desenformar e servir no próprio recipiente) e o tempo de forno (no meu levou 01:15h!). Fora esses aspectos, a receita é excelente e vale à pena. Agora estou numa fase de pudins, pq fiz muitos bolos seguidos, então vou testar suas receitas de outros tipos de doces.
    Lena, me diga: vc acha q usar o açucar mascavo ou demerara (passado no liquidificador) pode alterar muito o sabor e a textura das receitas? Eu tenho pensado em usar menos açucar branco em virtude da questão da saúde e tal. O q vc pensa a respeito?

    1. Lena

      Adriana

      O tempo de forno pode variar se a temperatura estiver mais baixa (demora mais) e/ou colocar mais líquido sem querer, ou o tamanho dos ovos. Experimente colocar menor líquido.
      Sobre a calda, é prática mesmo : )
      O açúcar demerara pouco melhorará sua saúde.
      O mascavo é menos processado e na minha opinião, altera o sabor da maioria dos doces. Mas há alguns que o pedem: Bolos de maçã, frutas, e até um pouco nos bolos de chocolate que conferem mais umidade.
      Beijos

  11. Maysa Alexandrino

    Hummm, que diferente…
    Está lindo!

    1. Lena

      Obrigada Maysa!
      Beijo e boa semana!

  12. Junior

    Fiz sua receita, mas usei suco concentrado de tangerina ( tanjal, da linha de sucos JAL), apenas meia xícara . Ficou perfeito, cremoso e delicioso. Show de bola!

    1. Lena

      Junior,

      Legal!
      Uso muito Tanjal e Lanjal nos meus bolos pois dá sabor acentuado.
      Adorei ; )
      Beijo

  13. Cláudio Attia

    Bom dia
    Helena, as maravilhas do mundo moderno nos trazem surpresas.
    Da mesma forma que o seu GPS fez, a minha navegação encontrou o seu blog.
    Parabéns, fotos lindas, comentários poéticos e muito bem escritos.
    Agora as receitas são deslumbrantes e até me deram vontade de aprender a cozinhar. Abração.

    1. Lena

      Cláudio,

      Bem vindo!!
      Vou agredecer sempre – e muito – pelo seu “GPS” ter lhe guiado até meu blog ; )
      Muito muito obrigada pela sua delicadeza e gentileza!
      Beijo

  14. Viviani

    Eu fiz e ficou maravilhoso!!!!

    1. Lena

      Que bom Viviani!
      Obrigada por comentar!
      Beijo

Deixe uma resposta

*

Campos obrigatórios marcados *